Crítica do filme 'Fragmentado'

Opa! Tudo bom? Hoje a Elisa trouxa a crítica do diferente 'Fragmentado' ;)



Fui convidada novamente pelo GNC Cinemas de Porto Alegre para a pré-estreia do filme 'Fragmentado', que estreiou oficialmente nos cinemas dia 23 de março. Levei comigo uma boa dose de expectativa, pois quando recebi a sinopse achei o tema bem interessante, pois sempre gostei de temáticas deste tipo. Mas bem, qual é a temática? O filme trata de um homem que sofre de transtorno de personalidade múltipla, que é caracterizada por um único indivíduo que demonstra características de duas ou mais personalidades e identidades distintas, cada uma com sua maneira de perceber e interagir com o meio. É como se dentro dele habitassem várias pessoas e de vez em quando alguma delas se manifesta. Gosto muito quando o cinema aborda assuntos mais relacionados à psicologia e a psicanálise, pois acho que é um prato cheio para se criar ou se basear uma história, afinal, seres humanos são sempre imprevisíveis e fascinantes.



Dirigido por M. Night Shyamalan (conhecido por dirigir “O Sexto Sentido”, que concorreu ao Oscar de 1999 em diversas categorias), e protagonizado por James McAvoy e Anya Taylor Joy. Como falei anteriormente, o filme tem como plano de fundo a condição mental do personagem e também protagonista Kevin (James McAvoy), que possui 23 personalidades distintas e consegue alterná-las tranquilamente em sua mente, apenas com a força do pensamento. Um dia, ele sequestra três adolescentes que encontra dentro de um carro em um estacionamento e as leva para um cativeiro. Lá elas passam a conhecer as diferentes facetas de Kevin e precisam encontrar algum meio de escapar, seja por força e desespero, seja por tentar entender o que está acontecendo e como Kevin se comporta, que é a opção que Casey (Anya Taylor Joy), resolve seguir.

Enquanto as amigas tentam escapar a todo custo, muitas vezes provocando a ira de Kevin, Casey tenta se aproximar dele e tentar entender a sua condição e o que o levou a sequestrá-las. Então, devido ao seu passado, que ao longo da narrativa vai sendo mostrado em pequenos flashbacks, entendemos o porque ela quer se aproximar dele e o porque eles podem ter uma ligação que ela pode usar ao seu favor.



Lembram lá no começo do texto em que eu falei que tava com uma boa expectativa em relação à história do filme? Pois então, me decepcionei. A narrativa se desenrolou bem no começo, mas depois desandou, bem no momento em que deveria chegar ao clímax. O roteiro se confunde em alguns momentos, tu acaba não entendendo o que o personagem quer e a trama sai do viés mais psicológico e migra para um viés fantástico, quase de ficção científica e isso me decepcionou muito. Tirando o fato do roteiro não ser organizado e não se sustentar como narrativa, a atuação de James McAvoy é muito boa. Ele consegue facilmente mudar de uma personalidade para a outra com muita facilidade e demonstrando com maestria as peculiaridades de cada uma. Os planos utilizados pelo diretor também merecem destaque. Por fim, apesar da minha expectativa ter ido por água abaixo, acho sempre válido, por mais que o filme tenha críticas negativas, que a gente assista, conheça e entenda.




2 comentários

  1. eu AMO os filmes desse diretor e tem tanta gente falando bem desse filme que ja to doida pra assistir!

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  2. Putz, que pena que o filme foi uma decepção :( não conhecia ele, mas a temática é bem interessante. O ator tem que ser muitooo bom pra conseguir desenrolar 23 personalidades diferentes =O acho que podem ter focado muito nisso e esquecido do resto da história que se passava, sei lá :/

    Beijinhos
    http://tipsnconfessions.blogspot.com

    ResponderExcluir

Pode comentar à vontade, mas lembre-se que escrevi e produzi este post com muito carinho e dedicação, portanto comentários apenas com links, ~adorei, tchau~ ou ~não conheço, bjs~ serão ignorados :(

Porém, se comentares a respeito do post, mesmo se desconhecer do assunto, irei retribuir em seu blog com carinho :)