Análise do clipe 'Please' do U2 #20AnosDePop

Opa! Tudo bom? No mês de março o disco ‘Pop’ do U2 completou 20 anos. Por conta disto, decidi fazer uma pequena análise do clipe da música ‘Please’, minha preferida do álbum.


Assim como “Sunday Bloody Sunday’, ‘Please’ fala sobre o “The Troubles”, que é o nome dado aos conflitos políticos e étnicos ocorridos na Irlanda do Norte. Para resumir o que é o “The Troubles” muito resumidamente, são os conflitos entre católicos e protestantes, envolvendo exército britânico, IRA (exército republicano irlandês), ataques terroristas e muito mais. Por mais que não seja especificamente um problema mundial, é uma guerra civil muito séria na região e que gerou diversas mortes.


A capa do single traz a imagem de 4 políticos diretamente envolvidos com a questão, sendo alguns pacifistas e outros de forte participação de cada lado. O Bono chegou a mencionar no ‘U2 by U2’ que a música é feita para “uma pessoa específica”,que de certa forma acredita que ideias estão acima de pessoas. 

Falando agora do vídeo, ele é dirigido pelo Anton Corbjin - que já trabalhou com o U2 em outros vídeos, incluindo uma das versões de One. O clipe de ‘Please’ é simples mas ao mesmo tempo muito complexo. Nele vemos uma pequena vila em preto e branco em que todas as pessoas andam de joelhos. São pessoas de diferentes idades, jeitos e principalmente, de diferentes religiões. Somente duas pessoas não estão ajoelhadas: a menina e o idoso.



A menina eu imagino que represente toda e qualquer criança, que é inocente e bondosa, sem conhecer religião, preconceitos, etc. O senhor, que eu vou chamar carinhosamente de “o velho” é todo aquele estereotipo que se tem de Deus ou de uma figura religiosa: de barba longa, com aparência sábia e bondosa e “acima” dos demais (uma vez que ele está em pé e o resto das pessoas não). Porém, apesar de não estar ajoelhado, O Velho está maltrapilho, com uma placa escrita “Please” e com a touca estendida pedinchando. Mendigo mesmo. Enquanto ele fica no cantinho dele, com a placa “por favor” e a touca, as pessoas passam por ele e o ignoram. Não só as pessoas comuns, como também o papa, as freiras, o judeu, etc. Todos ignoram. 

O que é mais importante? Ter uma religião, rezar, se ajoeilhar? Ou ajudar o próximo, amar e respeitar? Sabe aquela frase de caminhão que diz “não adianta fazer yoga e não cumprimentar o porteiro”? Então. Pessoas ocupadas, indo pros seus compromissos, mas ainda de joelhos, porem sem fazer o mais básico dos princípios cristãos que é amar o próximo. 

Além desta crítica, existem outras simbologias presentes no clipe. Falei mais nelas no vídeo ;) Já conheciam esse clipe? Gostaram da crítica?

9 comentários

  1. Nossa, adorei esse post da análise da letra. Podia fazer do Oasis também hahah

    bjssssssss

    Vista o nosso blog? pfv obg
    http://gemanas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Sou suspeita em falar porque amo o U2
    Big Beijos,
    Lulu
    BLOG | CANAL

    ResponderExcluir
  3. Mesmo não acompanhando a carreira dessa banda e não conhecendo essa clipe. Eu gostei muito da sua análise, ficou muito interessante. Você deveria fazer esse tipo de posts mais vezes.
    Mil beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/2017/04/cinema-abril-2017.html?m=1

    ResponderExcluir
  4. Vi que você postou esse vídeo, fiquei com vontade de assistir mas ainda não tive tempo. Vou ver porque eu adoro suas análises e essa parece ser bem interessante e forte já que meche com religião e tals.

    http://heyimwiththeband.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. mt legal essa analise de letra, eu ADORO U2!

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  6. Ainda não conhecia a música, gostei da análise consegui ver algumas coisas que vendo o clipe nunca iria pensar sozinha.

    www.vestindoideias.com

    ResponderExcluir
  7. Nossa que legal. Nao escuto muito U2, mas verei o vídeo e escutarei o Álbum! Gosto de coisas culturais com cunho político.
    Beijos,
    MOnólogo de Julieta

    ResponderExcluir
  8. Acho que eu nunca tinha assistido esse clipe completinho Duds. Muito bacana. Todos os clipes do U2 são incríveis, com significados diversos por trás. Suas análises são sempre interessantes também, me trazem várias questões novas, adoro! Um beijo :*

    ResponderExcluir
  9. Cara, U2... que banda boa é essa né? Nossa <3 Sua análise tá muito dahora, quando eu vi o clipe pela primeira vez, eu pensei parecido contigo, agora lendo, tenho certeza que interpretei certo... principalmente por não ter o hábito de ficar assistindo clipe

    bjs, Carol | Espilotríssimo
    www.carolespilotro.com

    ResponderExcluir

Pode comentar à vontade, mas lembre-se que escrevi e produzi este post com muito carinho e dedicação, portanto comentários apenas com links, ~adorei, tchau~ ou ~não conheço, bjs~ serão ignorados :(

Porém, se comentares a respeito do post, mesmo se desconhecer do assunto, irei retribuir em seu blog com carinho :)