Review: Lana Del Rey - Lust for Life

Opa! Tudo bom? Hoje vamos conversar um pouco sobre o quinto disco da Lana Del Rey: Lust for Life.
lust for life

O disco abre com Love, que é uma faixa já conhecido pelo público. Ela teve a produção do Rick Nowels e Emilie Hayne, que já haviam trabalhado com Lana em Born to Die. Logo nos primeiros instants já é possível perceber que a Lana Del Rey está em uma nova fase mais positiva. O que muda em “Love” é justamente o ângulo pelo qual essa experiência de Lana é vista, agora sob a lente do positivismo.


A faixa “Lust for Life”, que é a primeira parceria do disco dessa vez com o The Weeknd. A parceria entre os dois não é de agora: Lana já participou em duas faixas do The Weeknd: “Prisoner”, do álbum “Beauty Behind The Madness”, e “Stargirl Interlude”, do álbum “Starboy”. Lust for Life é uma música que eu pessoalmente gosto muito, eu acho que ela resume bastante o conceito do disco, não é a toa que ela leva o nome do disco. Essa mistura de romance, felicidade, com melancolia, abandono. Essa grande dualidade entre vida e morte presente, sim nas músicas da Lana, mesmo nessa fase mais “feliz”.



O disco tem 16 faixas, assista ao vídeo para saber em detalhes o que eu achei e analisei de cada uma:

Escute o disco inteiro no Spotify abaixo:



Já conheciam o disco? O que acharam da review?

Nenhum comentário

Pode comentar à vontade, mas lembre-se que escrevi e produzi este post com muito carinho e dedicação, portanto comentários apenas com links, ~adorei, tchau~ ou ~não conheço, bjs~ serão ignorados :(

Porém, se comentares a respeito do post, mesmo se desconhecer do assunto, irei retribuir em seu blog com carinho :)